segunda-feira, 1 de outubro de 2018

Vibe humor: músicas e hits LGBTQ+






Após trazer várias temáticas voltadas para o mundo LGBTQ+ (como a última sobre o cotidiano), hoje apresento algumas músicas e hits famosos da comunidade. 

Sim! Hoje vai ter música para lésbicas, gays, transexuais, transgêneros, queens, simpatizantes, etc. Não terei preconceito aqui, tudo será sem filtro. Aliás, se algum filtro tiver é o colorido. 

Resgatei 9 músicas que fizeram muita parte dos fones de ouvidos da classe LGBTQ+, baladas e paradas. Preparados? Então vamos lá! A playlist de hoje está coloridíssima!






Começo com a estouradíssima e tema de filme (Priscila, Rainha do deserto), Finally da cantora CeCe Peniston. A música teve dois momentos de sucesso: o primeiro, em 1991 quando lançada; e o segundo, em 1994 quando foi incluída no longa metragem citado acima. A música tem um alto astral e uma vibe interessante. "Finally it has happened to me right in front of my face My feelings can't describe it Finally it has happened to me right in front of my face and I just can not hide it". (Finalmente aconteceu comigo bem na minha cara Meus sentimentos não conseguem descrever Finalmente aconteceu comigo bem na minha cara e Eu simplesmente não consigo esconder).

Groove is in the heart tem uma melodia criativa e um baixo funky house psicodélico sampleado. A música tornou-se um hit atemporal, que celebra a cultura LGBTQ+ de Nova Iorque. "Groove is in the hea-a-a-art Groove is in the hea-a-a-art Groove is in the hea-a-a-art (astronomical) Groove is in the hea-a-a-art (hit me!)" (O ritmo está no coração O ritmo está no coração O ritmo está no coração O ritmo está no coração).

Sissy that walk: se isto não é um hit, não sei mais o que é. Das músicas apresentadas até aqui, esta tem mais entradas e toques eletrônicos e é uma das minhas preferidas. A letra fala de dicas para queens e travestis. "Fly, fly, fly, fly (uh oh, uh uh oh) Fly, fly, fly, fly (uh oh, uh uh oh) Fly, fly, fly, fly (uh oh, uh uh oh) Fly, fly, fly, fly Uh oh, now sissy that walk" ((Voar, voar, voar, voar, uh oh uh uh oh) (Voar, voar, voar, voar, uh oh uh uh oh) (Voar, voar, voar, voar, uh oh uh uh oh) Voar, voar, voar, voar Uh oh, agora ande mais feminino!).





Se a Madonna não é a rainha dos LGBTQ+, eu não sei mais quem seja. Vogue foi gravada no auge da crise da AIDS nos EUA e foi inspirada na cena gay underground de Nova Iorque. Não demorou muito para a diva transformá-la em seu maior hit gay de todos os tempos. "Strike a pose Strike a pose Vogue, vogue, vogue Vogue, vogue, vogue" (Faça uma pose Faça uma pose Vogue, vogue, vogue Vogue, vogue, vogue).

Se Vogue é o hit gay de Madonna, Born this way é o de Lady Gaga. A cantora fez enorme sucesso em 2011 com essa música que fala de autoaceitação e autoestima. Fazia tempo que algum artista não abria o jogo sobre a temática dessa forma. O clipe apresenta um discurso muito interessante no início e a melodia é dançante. Veja um trecho da letra: "My mama told me when I was young We are all born superstars She rolled my hair and put my lipstick on In the glass of her boudoir There's nothin' wrong with lovin' who you are She said: 'Cause he made you perfect, babe So hold your head up, girl, and you'll go far Listen to me when I say" (Minha mãe me disse quando eu era criança Que todos nós nascemos super estrelas Ela penteava meus cabelos e me passava batom No espelho da sua penteadeira Não há nada de errado em amar quem você é Ela dizia: Pois Ele te fez perfeita, querida Então levante a sua cabeça, garota, e você irá longe Me escute quando eu digo).

YMCA é um grande hino LGBTQ+, sem dúvidas. A sigla Y.M.C.A. significa Associação Cristã de Moços e é uma ironia visto que o índio, policial, construtor e cowboy o que menos fazem é se comportarem como "cristãos" e "moços" na música e clipe. Fique com um trecho: "It's fun to stay at the Y-M-C-A It's fun to stay at the Y-M-C-A" (É divertido ficar no Y-M-C-A É divertido ficar no Y-M-C-A).






Diana Ross é vista como um ícone para a comunidade LGBTQ+ e I'm coming out - que já até esteve em outras playlists aqui no blog - fala sobre a coragem de sair do armário, sem se importar com as opiniões alheias. Tem um ritmo dançante e bons solos de saxofone. "I'm coming out I want the world to know Got to let it show I'm coming out I want the world to know I got to let it show" (Eu estou me revelando Quero que o mundo saiba Tenho que deixar claro Que estou chegando Quero que o mundo saiba Tenho que deixar claro).

Olha o Village People aqui de novo! Macho Man apresenta certa ironia na letra e um ritmo bem contagiante. Macho, macho man (macho man, yeah) I gotta be a macho man (I gotta be a) Macho, macho man, yeah I gotta be a macho (ow!) (Macho, homem macho (homem macho) Eu tenho que ser um homem macho (eu tenho que ser um) Macho, homem macho Tenho que ser macho (ow!)).

Finalizo a playlist com o clássico dos clássicos: I will survive, de Gloria Gaynor. A classe LGBTQ+ se apropriou dessa canção por ela também significar suas lutas e desafios. "Oh no, not I! I will survive! Oh, as long as I know how to love, I know I'll stay alive! I've got all my life to live. I've got all my love to give. And I'll survive! I will survive! Hey, Hey!" (Oh não, eu não! Eu vou sobreviver! Enquanto eu souber como amar Eu sei que permanecerei viva Eu tenho minha vida toda para viver Eu tenho meu amor todo para dar E eu vou sobreviver! Eu vou sobreviver! Hey, Hey!).


Espero que tenham gostado da playlist de hoje. Esqueci de algum hit LGBTQ+? Digam nos comentários! Até a próxima! J-J























Por: Emerson Garcia

11 comentários :

  1. AMEI essa playlist, adoro todas essas músicas, inclusive as do RuPaul!
    Beijos
    www.somosvisiveiseinfinitos.com.br
    Vídeo novo: https://www.youtube.com/watch?v=GgHX8nQNOTI

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em breve farei uma análise de uma das músicas do RuPaul.

      Excluir
  2. Não conhecia nenhuma mas não é o que mais gosto de escutar!!!

    ResponderExcluir
  3. Apesar de não ser o meu estilo musical, gostei muito deste teu post!

    Bjxxx
    Ontem é só Memória | Facebook | Instagram

    ResponderExcluir
  4. Que bacana. sem dúvida a madona e a líder delas O/
    Pra festa acho legal as músicas mas não é meu estilo.rs
    Beijos

    www.cherryacessorioseafins.com.br

    ResponderExcluir
  5. Adorei a seleção, muitas me lembraram da minha infância.. tocava muito essas músicas..

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Monique. Falando em infância, aguarde os próximos posts.

      Excluir

Obrigado por mostrar seu dom. Volte sempre ;)

Nos siga nas redes sociais: Fanpage e Instagram

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Template por Kandis Design