segunda-feira, 25 de maio de 2020

Maio Amarelo: conscientizando motoristas e pedestres sobre a segurança no trânsito



Maio está quase findando, mas não poderia de abordar uma campanha internacional importante que perpassou todo esse mês: a Maio Amarelo. Instituída em 2014, ela tem o intuito de conscientizar motoristas e pedestres sobre a segurança no trânsito, bem como prevenir acidentes. Em resumo, é um alerta para o crescimento de mortes e feridos no trânsito no mundo inteiro.  

A Maio Amarelo teve como base uma resolução da Assembleia-Geral das Nações Unidas que instituiu a Década de Ações para a Segurança no Trânsito em 11 de maio de 2011, daí a escolha do mês. 

O objetivo da Maio Amarelo é envolver diversos segmentos da sociedade para discutir esse tema delicado, por meio de engajamentos em ações e propagações do conhecimento, de forma a abordar sua abrangência. 

O amarelo foi escolhido por ser uma cor chamativa, que indica atenção, sinalização e advertência no trânsito. Por esse mesmo motivo o tom foi selecionado como a cor da campanha de prevenção ao suicídio durante o mês de setembro, a Setembro Amarelo

Um balanço publicado em 2019 mostra que 27 países, 423 municípios e 1.425 empresas apoiam a campanha. Acredito que ela tenha potencial para ser mais incisiva e impactante, com mais países aderindo. 

O objetivo desse post é fazer um alerta sobre a importância da atenção no trânsito. Elencarei dados e estatísticas atuais sobre acidentes de trânsito, demonstrando a emergência do tema. Também explanarei sobre a Década de Ação para Segurança do Trânsito, mostrando sua importância para a Maio Amarelo. Em um terceiro momento, passearei sobre os temas das campanhas a cada ano, até chegar em 2020. E por fim, apresentarei ações e propagandas interessantes sobre o tema e como ela foi utilizada em 2020, em tempos de pandemia. 


Dados sobre acidentes de trânsito


De acordo com a Confederação Nacional de Transportes (CNT) 5.332 pessoas morreram em acidentes no trânsito em 2019, um aumento de 3,3% com relação ao ano anterior - sendo a 1ª alta em 7 anos. Foram registrados em 2019 67.427 acidentes, havendo uma diminuição com relação ao ano anterior (69.206). Veja os gráficos disponibilizados pela CNT:









As BR-116 e a BR-101 foram consideradas as mais perigosas em 2019, registrando 670 e 656 acidentes. Entre as principais causas dos acidentes estão: falta de atenção (37,1%), desobediência às normas de trânsito (12%), velocidade acima do permitido (8,9%) e consumo de álcool (8%). 

A que se deve a falta de atenção liderar as causas dos acidentes? Acredito que ao uso na hora errada das redes sociais e do celular. Muitos motoristas insistem em serem multitarefas e utilizam o celular enquanto estão dirigindo. O resultado não é nada bom. 


Década de Ação para Segurança do Trânsito




Esse documento foi elaborado embasado em um estudo da Organização Mundial da Saúde  (OMS) que contabilizou a morte de 1,3 milhão de pessoas em acidentes de trânsito em 178 países, sendo que 50 milhões sobreviveram com sequelas, de acordo com dados disponibilizados pelo site das Nações Unidas

Cerca de três mil vidas são perdidas diariamente nas estradas em todo globo terrestre. Acidentes no trânsito é a nona maior causa de mortes no mundo. Se nada for feito (Graças a Deus que o Maio Amarelo tem cumprido seu papel), estima-se que 1,9 milhão de pessoas morram no trânsito em 2020 - tornando-se a quinta maior causa de mortalidade. 

E qual o objetivo da ONU com a Década de Ação para a Segunrança no Trânsito? Poupar, através de planos (que falarei nos subtópicos seguintes), cinco milhões de vidas até esse ano. 

A Organização Mundial de Saúde (OMS) em parceria com a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) faz isso por meio da coordenação e monitoramento dos progressos tanto a níveis nacional e internacional. 

Em muitos países, os cuidados de emergência e outros serviços de ajuda às vítimas do trânsito são inadequados. Então o objetivo dessa ação, também, é retificá-los por meio de atitudes pontuais, como a redução do consumo de álcool, o aumento do uso de capacetes, cintos de segurança e a melhoria dos serviços de emergência.   


Plano de Ação Global

Define as etapas para melhorias na segurança rodoviária, pedindo mais rigor na legislação e sugerindo medidas para proteger ciclistas e pedestres. Um vídeo publicado pelas Nações Unidas em janeiro de 2018 apresenta 10 passos práticos e fáceis para evitar acidentes no trânsito. Assista:






O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, disse que o objetivo desse Plano de Ação Global é apresentar melhorias reais para salvar milhares de pessoas.  

Em maio de 2012, a Assembleia Geral da ONU reforçou um pedido para que os Estados-Membros e outros atores interessados se engajassem nas ações da Década. O texto foi disponibilizado nas seis línguas oficiais da ONU, incluindo inglês e espanhol (clique aqui). 


Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável




Essa agenda (veja com detalhes aqui), possui 17 objetivos do Desenvolvimento Sustentável e um total de 169 metas. Veja os objetivos abaixo:











Perceba que o objetivo 3 "Saúde e Bem Estar" abrange também a segurança no trânsito e a redução pelo menos pela metade das mortes e ferimentos nas estradas. 


Projeto Vida no Tânsito

O projeto Road Safety in Ten Counstries (ou RS-10) tem o objetivo de reduzir as mortes e lesões no trânsito em 10 países (Brasil, Rússia, China, Turquia, Egito, Vietnã, Camboja, Índia, Quênia e México), com o patrocínio da Fundação Boomberg e coordenação da ONU e da OPAS. 

No Brasil esse projeto ganhou o nome de Vida no Trânsito e conta com o aporte técnico e financeiro do Governo Federal. 


Guia de Trânsito para ONG's


A ONU disponibilizou um guia para ONG's intitulado Promovendo a defesa da Segurança Viária e das Vítimas de Lesões Causadas pelo Trânsito, com o objetivo de agregar valor e apresentar informações a segurança viária. O guia completo encontra-se abaixo:





Temas

7 temas já foram desenvolvidos no Brasil desde a instituição da campanha Maio Amarelo. São eles: Atenção pela vida (2014), Seja você a mudança (2015), Eu sou +1 por um trânsito mais seguro (2016), Minha escolha faz a diferença (2017), Nós somos o trânsito (2018), No trânsito, o sentido é a vida (2019) e a mais recente Perceba o risco. Proteja a vida (2020). Falo de cada uma delas e seus impactos.


Atenção pela vida (2014)

A campanha foi para as ruas com o objetivo de sensibilizar e conscientizar as pessoas - de diferentes idades - sobre os acidentes nas estradas. Foi um ano experimental da campanha e o vídeo da campanha é introdutório.





Seja você a mudança (2015)

A campanha ganhou mais força e o amarelo contagiou todo o globo terrestre e o trânsito. Foram realizadas inúmeras passeatas, caminhadas, blitze, palestras e cultos ecumênicos. Mensagens educativas foram veiculadas nas TV, rádios, redes, mídias sociais, cinema, escolas e universidades. Duas campanhas foram apresentadas, uma de celular e direção e a outra de maquiagem e direção:










Eu sou +1 por um trânsito mais seguro (2016)

A campanha ganhou mais força. Monumentos, prédios, pontes e dezenas de outros equipamentos foram iluminados de amarelo. Entidades, órgãos públicos, associações, empresas e comunidades também aderiram à campanha, assim como artistas, esportistas e celebridades. Dez pilotos da Stock Car, por exemplo, gravaram e disponibilizaram vídeos sobre segurança no trânsito. Dessa vez os vídeos foram sobre cinto de segurança e velocidade. Assista:









Minha escolha faz a diferença (2017)

A campanha encerrou as atividades de 2017 com balanço altamente positivo. Ele foi aderido em mais de 500 cidades de todos os estados brasileiros com ações diversificadas, desde vestir roupa amarela no trabalho até produzir e exibir vídeos e vinhetas sobre o tema. O vídeo fala de várias escolhas feitas pelos motoristas no trânsito.






Nós somos o trânsito (2018)

A campanha chega à sua 5ª edição, propondo o envolvimento da sociedade nas reflexões suscitadas. O vídeo enaltece a vida humana, mostrando que ela é preciosa e importante. É um dos vídeos mais interessantes apresentado até agora.





No trânsito, o sentido é a vida (2019) 

A campanha teve a proposta de fazer com que os adultos ouçam as crianças. Ela teve como base os cinco SENTIDOS humanos, relacionando-os com as sinalizações e placas no trânsito. Assista:





Perceba o risco. Proteja a vida (2020)

A campanha está sendo realizada de forma virtual (mais detalhes no próximo tópico), por conta da pandemia do coronavírus. O intuito da campanha esse ano é apresentar os riscos do trânsito por meio de ferramentas de comunicação, como GIFs, vídeos, figurinhas, mensagens de áudio, posts e stories. 






Ações e propagandas

Esse mês é marcado por ações como passeatas, entrevistas, peças teatrais, palestras entre outros. O site oficial do Maio Amarelo disponibiliza diversas atividades que já foram realizadas nessa temática (clique aqui). 

Vídeos oficiais são produzidos todos os anos (como visto no tópico anterior) e peças publicitárias incríveis foram criadas. Resolvi falar de algumas delas. Confira:




Essa foi uma propaganda oficial do Maio Amarelo. Gosto dela pois cada placa combina perfeitamente com a pessoa que a segura.






Essa tem um trocadilho muito interessante, além de trazer uma foca fofinha dirigindo.





















Folders fortíssimos divulgados em maio de 2017. Por meio de frases, imagens e um fundo que varia do amarelo ao preto não tem como deixar de ficar chocado com essas propagandas.





Campanha oficial do Maio Amarelo. Gosto muito dessa arte.





Propaganda minimalista da cidade de Blumenau.




O Detran-GO criou essa campanha interessante à respeito do Maio Amarelo.



Em tempos de coronavírus, a campanha Maio Amarelo ganhou mais força nas redes sociais. Aqui no Distrito Federal, por exemplo, o Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF) criou um desafio no Instagram para que os seguidores enviem vídeos dizendo a seguinte frase: "Eu apoio o Movimento Maio Amarelo e minha dica de trânsito é...". As primeiras 50 pessoas a postar ganharam um kit exclusivo do Maio Amarelo. 


Essa campanha é importante e eu a apoio. Por isso fiz um post sobre bem detalhado. E você, já conhecia a campanha Maio Amarelo? Diga nos comentários! J-J


Por: Emerson Garcia

11 comentários :

  1. Oi, Emerson como vai? Eu desconhecia esta campanha, entretanto é importante ter esta campanha e apoiá-la. Parabéns pelo post, super detalhado. Abraço!

    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Luciano. É ótimo ter esse retorno dos leitores.

      Excluir
  2. OI Émerson, muito importante ressaltar e relembrar essas campanhas. O seu post ficou bem completo. Eu não me lembrava das ações dos anos anteriores.
    beijos
    Chris


    Inventando com a Mamãe / Instagram  / Facebook / Pinterest


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A ideia foi de falar da campanha em detalhes. Obrigado pelo elogio.

      Excluir
  3. Venha daí essa Maia Amarela...
    .
    Uma semana feliz
    Cuide-se

    ResponderExcluir
  4. Essa campanha é muito importante mesmo. Que mais pessoas tenham conhecimento acerca dela.

    Beijo.
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
  5. Ótima campanha de conscientização.

    www.paginasempreto.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Ótimo post, muito importante a conscientização
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  7. Essa campanha é muito importante.
    Bjus!

    galerafashion.com

    ResponderExcluir
  8. Desconhecia tal campanha... que acho absolutamente louvável!
    É importante consciencializar... para muitas vidas não se desperdiçarem!
    Abraço
    Ana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Ana. A conscientização e a prevenção são a chave para evitar novos acidentes de trânsito.

      Excluir

Obrigado por mostrar seu dom. Volte sempre ;)

Nos siga nas redes sociais: Fanpage e Instagram

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Template por Kandis Design