terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Intocáveis



Em um mundo capitalista que vivemos, atitudes de solidariedade tornam-se cada vez mais raras. No texto de Thalíta Atitudes que movem o mundo vemos quantas pessoas ficaram impressionadas com a atitude que ela vivenciou. Muitas delas não acreditaram, juraram de pés juntos que a história era inventada. O espanto é entendido pois quem faz isso é único. 

Não vamos muito longe... Aqui em Brasília há dois anos o terreno de um homem foi recheado de uma boa quantia em dinheiro e ele... DEVOLVEU! 

O comum hoje em dia é fazer o que todo mundo faz, são poucos que não são seduzidos pela "síndrome da marionete". Talvez a mulher do texto da Thalíta poderia falar "ah que se dane esse funkeiro", ou ainda "eu prefiro tampar meus ouvidos e olhos para não ouvir o que esse infeliz ouve nem vê-lo"... Mas ela agiu diferente!!! Ela usou da sua solidariedade. Ela tinha de sobra, mas eu sei que a maioria não tem.

Agir com solidariedade é tirar os óculos do preconceito. Em 2011 eu tive uma experiência que mudou a minha vida e é por isso que eu me lembro e falo dela até hoje. Eu tive a oportunidade de atender idosos através da Pastoral da Família de uma paróquia, como vocês viram no texto Solidariedade em primeiro plano.

Ser solidário não é pra qualquer um, nem de uma hora para outra. Só faz isso quem tem sensibilidade, coragem e não tem um coração preconceituoso. Fiz uma disciplina na faculdade chamada Agência de Comunicação Comunitária em que trabalhei com crianças e adolescentes da Estrutural (uma cidade carente de Brasília) que foram abusadas, tentadas a entrar no tráfico, além de muitas terem receio da profissão dos pais: catadores de lixo.

O princípio da alteridade, do toque, do face a face e do movimento, tem que acontecer, senão não será um trabalho bem feito. Isso me fez recordar um belíssimo filme que vi por sugestão da professora da disciplina, chamada Intocáveis.



Baseado em uma história real, o filme mostra mais do que um simples trabalho realizado por Driss, um negro do gueto. Mostra a solidariedade e a amizade em suas expressões mais puras.

Quando Driss vai cuidar do tetraplégico Phillipe, ele não tem nenhum sentimento, ele vai mais porque está precisando de dinheiro. Desajeitado, Driss não o tratava como um impossibilitado de fazer qualquer coisa. O jeito durão dele fez com que Phillipe fosse um ser humano como qualquer outro. Ele não tinha pena, como os outros cuidadores que tratavam Phillipe de forma pouco carinhosa, deixando até a sua barba crescer. Driss era incomum, e aqui está o espírito da solidariedade.

Ele fazia a barba do seu patrão, como estivesse fazendo a sua; colocava músicas do gueto e se divertia com o cadeirante, enfim, dava ao seu chefe cigarros e belas mulheres. O fato de Driss não tratá-lo com o mínimo de preconceito, fez com que os dois, um por ser negro, o outro por ser tetraplégico, serem INTOCÁVEIS. Nenhum preconceito atingiu os dois!

Tanto é que não há espaço para a discriminação, porque Driss teve a oportunidade de mostrar seu mundo a Phillipe, quando fez ele ouvir raps e quando visitou a comunidade do gueto. Assim como o cadeirante mostrou ao negro música clássica.

Solidariedade é isso: é você entrar no mundo do outro, ele entrar no seu, e ambos mudarem suas histórias de vida. E é disso que a sociedade capitalista está precisando. J-J




Por: Emerson Garcia

20 comentários :

  1. O ser humano está a cada dia pior. Daqui a algum tempo solidariedade será algo mais raro do que vemos hoje.
    Obrigada por vc sempre visitar meu blog. Não tinha ainda tido tempo de vir aqui.
    Mas aqui estou eu :)

    Beijão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é. O mundo está invertido. Sentimentos ruins são comuns e aceitáveis agora.

      Excluir
  2. A cada dia que se passa as pessoas se esquecem de valorizar simples atitudes.Carinho,respeito e honestidade estão cada vez mais em extinção... fico triste com pessoas que tem "valores" mas não tem "valor"

    Obrigado à todos vocês pelas visitas constantes que me fazem,é sempre bom ter vocês em meu cantinho.
    Um super beijo À todos e uma ótima semana !!!

    paulinhaeasmulheres.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que mais vale é o ter mesmo. Falou e disse!

      Excluir
  3. Texto lindo e inspirador!
    Parabéns!
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/?m=1

    ResponderExcluir
  4. Esse filme é mesmo maravilhoso, uma lição de vida!

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    Eu adoro esse filme e o fato dele ser comovente e engraçado ao mesmo tempo, lembro de ter adorado cada segundo do que vi <3.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele é emocionante, mas divertido e cheio de adrenalina. Mostra como deveria ser uma vida saudável. Traz muitas lições.

      Excluir
  6. Esse filme é lindo, e mais lindo é saber que é baseado em uma história real, de superação mesmo! É para acreditarmos que a vida é linda mesmo :)

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A história é incrível. Dá vontade de conhecer esses dois seres humanos. Creio que ainda estejam vivos.

      Excluir
  7. Lindo ver esse contexto num filme e ainda mais sendo baseado em uma história real. Me interessei em assistir! :D

    E quanto ao comentário no meu blog, que bom q você vive da melhor maneira possível. Já eu gosto de fazer minha pequena lista e ver q consegui cumprir mais uma etapa ou desejo realizado na minha vida. Por conta de organização mesmo. Acho q fazer planos pra vida é ESSENCIAL.

    Beijos! Volte sempre.

    meianoite-br. blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom! Assista, vale a pena.
      Pode deixar que eu volto.

      Excluir
  8. Esse texto ♥. Os atos do ser humano estão decaindo cada vez mais e não se busca um ato de diminuir este caos, mas sim piorando. Crises, guerras, aquecimento global, o mundo está em pleno caos. Precisamos ser solidários! Já assisti Intocáveis e é um filme lindo.
    Blog: Consumidor de Sonhos | consumidordesonhos.blogspot.com.br
    Instagram: Consumidor de Sonhos | CdS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é. Se as pessoas se amassem, fossem solidárias umas com as outras, o mundo não estaria nesse caos que está hoje em dia.

      Excluir
  9. Já Vi o Filme e amoooo! e é incrivel pq é baseado em fatos reais!
    www.byanak.com.br

    ResponderExcluir
  10. O mundo precisa de ajuda de solidariedade precisa de um empurrão de todos para melhorar. O texto ficou maravilhoso e não conhecia o filme vou assistir!

    www.descrevendonuvens.com

    ResponderExcluir
  11. Eu vi esse filme, a história é linda mesmo! :D

    ResponderExcluir
  12. Muito lindo o seu texto, muito verdadeiro também, as pessoas estão cada vez mais centradas e preocupadas, unicamente, com os seus problemas que esquecem de se solidarizar e de se deixar ser solidarizado pelos outros. A mensagem do filme é linda, e a sua também :)
    Já estou seguindo e me interessando muito pelo blog!
    Criei um blog, recentemente, para falar sobre cinema e artes no geral, se puder dar uma olhadinha significaria muito para mim: http://cineleva.blogspot.com.br/ :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é. Muitos só querem receber e só pensam no seu lado.
      Obrigado. Estarei lá também. Boa sorte com o blog.

      Excluir

Obrigado por mostrar seu dom. Volte sempre ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Template por Kandis Design