sexta-feira, 2 de setembro de 2016

10 filmes nacionais que gostamos

Em nosso primeiro post em conjunto, eu e o Arthur Claro resolvemos selecionar 10 filmes brasileiros que gostamos e os mais aclamados da crítica brasileira. Há um preconceito com a cinematografia tupiniquim, mas isso não passa de falta de conhecimento. Há sim, muitos bons filmes nacionais, e vamos listar alguns. Vem com a gente!


O que é isso companheiro? (1997)



Sinopse: O jornalista Fernando (Pedro Cardoso) e seu amigo César (Selton Mello) abraçam a luta armada contra a ditadura militar no final da década de 60. Os dois alistam num grupo guerrilheiro de esquerda. Em uma das ações do grupo militante, César é ferido e capturado pelos militares. Fernando então planeja o sequestro do embaixador dos Estados Unidos no Brasil, Charles Burke Elbrick (Alan Arkin), para negociar a liberdade de César e de outros companheiros presos.

Gosto pelo motivo: É a retratação de um fato do passado recente que ocorreu no nosso país. Eu gosto deste filme por representar uma época que eu não vivi e gostaria de ter vivido para ver de perto a história. Não li ainda o livro que dá origem a este filme.






Tropa de Elite 1 e 2 (2007/2010)



Sinopses: Tropa de Elite: 1997. O dia-a-dia do grupo de policiais e de um capitão do BOPE (Wagner Moura), que quer deixar a corporação e tenta encontrar um substituto para seu posto. Paralelamente, dois amigos de infância se tornam policiais e se destacam pela honestidade e honra ao realizar suas funções, se indignando com a corrupção existente no batalhão em que atuam.
Tropa de Elite 2: Nascimento (Wagner Moura), agora coronel, foi afastado do BOPE por conta de uma mal sucedida operação. Desta forma, ele vai parar na inteligência da Secretaria de Segurança Pública do Estado. Contudo, descobre que o sistema que tanto combate é mais podre do que imagina e que o buraco é bem mais embaixo. Seus problemas só aumentam, porque o filho, Rafael (Pedro Van Held), tornou-se adolescente, Rosane (Maria Ribeiro) não é mais sua esposa e seu arqui-inimigo, Fraga (Irandhir Santos), ocupa posição de destaque no seio de sua família.

Gosto pelo motivo: Por mostrar um pouco da realidade do BOPE e da violência dos morros cariocas (embora com alguns exageros) e de quanto nossa política e segurança ainda precisam melhorar. Além disso, porque tem um dos meus atores preferidos (Wagner Moura). Lembro que o segundo filme gerou bastante polêmica pelo teor realístico que retratou.









O Auto da Compadecida (2000)



Sinopse: As aventuras dos nordestinos João Grilo (Matheus Natchergaele), um sertanejo pobre e mentiroso, e Chicó (Selton Mello), o mais covarde dos homens. Ambos lutam pelo pão de cada dia e atravessam por vários episódios enganando a todos do pequeno vilarejo de Taperoá, no sertão da Paraíba. A salvação da dupla acontece com a aparição da Nossa Senhora (Fernanda Montenegro). Adaptação da obra de Ariano Suassuna.

Gosto pelo motivo: Este filme é um dos que assisto mil vezes seguidas e dou risada das cenas de Chicó e João Grilo. Por que? Não sei, só sei que foi assim.






Se eu fosse você (2006)



Sinopse: Cláudio (Tony Ramos) é um publicitário bem sucedido, dono de sua própria agência, que é casado com Helena (Glória Pires), uma professora de música que cuida de um coral infantil. Acostumados com a rotina do dia-a-dia e do casamento de tantos anos, eles volta e meia têm uma discussão. Um dia eles têm uma briga maior do que o normal, que faz com que algo inexplicável aconteça: eles trocam de corpos. Apavorados, Cláudio e Helena tentam aparentar normalidade até que consigam revertar a situação. Porém, para tanto, terão que assumir por completo a vida do outro.

Gosto pelo motivo: É uma comédia que faz o seu papel muito bem: o de fazer sorrir sem esforço. Além de ser um filme para toda a família e que traz atores tão consagrados. Confesso que só coloquei o primeiro filme, porque foi mais inovador e melhor que o segundo, apesar de Se eu fosse você 2 também ser engraçado.






Zuzu Angel (2006)



Sinopse: Brasil, anos 60. A ditadura militar faz o país mergulhar em um dos momentos mais negros de sua história. Alheia a tudo isto, Zuzu Angel (Patrícia Pillar), uma estilista de modas, fica cada vez mais famosa no Brasil e no exterior. Paralelamente seu filho, Stuart (Daniel de Oliveira), ingressa na luta armada, que combatia as arbitrariedades dos militares. Resumindo: as diferenças ideológicas entre mãe e filho eram profundas. Numa noite Zuzu recebe uma ligação, dizendo que Stuart tinha sido preso pelos militares. As forças armadas negam. Pouco tempo depois, ela recebe uma carta dizendo que Stuart foi torturado até a morte na aeronáutica. Então, ela inicia uma batalha aparentemente simples: localizar o corpo do filho e enterrá-lo. Mas Zuzu vai se tornando uma figura cada vez mais incômoda para a ditadura.

Gosto pelo motivo: É outro filme que retrata os anos que não podem ser esquecidos e que devem ser estudados nas escolas com mais precisão. Gosto pois retrata um caso real e tem uma música muito linda do Chico Buarque que eu conheci na primeira vez que vi este filme.






Olga (2004)



Sinopse: Berlim, início do século XX. Olga Benário (Camila Morgado) é uma jovem judia alemã. Militante comunista, é perseguida pela polícia e foge para Moscou, onde recebe treinamento militar e é encarregada de acompanhar Luís Carlos Prestes (Caco Ciocler) de volta ao Brasil. Na viagem, enquanto planejam a Intentona Comunista contra o presidente Getúlio Vargas, os dois acabam apaixonando-se. Parceiros na vida e na política, Olga e Prestes terão de lutar pelo amor, pelo comunismo e, principalmente, pela sobrevivência.

Gosto pelo motivo: Por ser um filme histórico, rico em detalhes e com belíssima fotografia. Me emociono muito com a personagem Olga.






Lua de Cristal (1990)



Sinopse: Maria da Graça (Xuxa Meneghel) chega à cidade grande para morar com sua tia Zuleika (Marilu Bueno) e seus primos Mauricinho (Avelar Love) e Cidinha (Júlia Lemmertz). O trio vive atormentando sua vida, fazendo-a trabalhar incansavelmente na casa em que moram. Em meio aos problemas que têm em casa, Maria da Graça conhece Duda, sua vizinha, e Bob (Sérgio Mallandro), um jovem desajeitado, e se tornam seus amigos. Bob consegue um emprego para Maria da Graça, que pode então realizar seu grande sonho: ter aulas de canto.

Gosto pelo motivo: É um filme simples que tem partes cômicas e é um dos que me vem na cabeça quando tento lembrar da minha infância.






2 Coelhos (2012)



Sinopse: Edgar (Fernando Alves Pinto) encontra-se na mesma situação que a maioria dos brasileiros: espremido entre a criminalidade, que age impunemente, e a maioria do poder público, que só age com o auxilio da corrupção. Cansado de ser vítima desta situação, ele resolve fazer justiça com as próprias mãos e elabora um plano que colocará os criminosos em rota de colisão com políticos gananciosos. Na medida que o plano de Edgar é executado, descobrimos pouco a pouco suas reais intenções e sua história, marcada por um terrível acidente e um amor que ele jamais esqueceu.

Gosto pelo motivo: Por ser um filme ousado, surpreendente, e que usou de vários elementos da indústria cinematográfica, como: narrativa não-linear e recursos de câmera. Também gosto das cenas de ação e dos elementos nerds da produção.






Lisbela e O Prisioneiro (2003)



Sinopse: Lisbela (Débora Falabella) é uma moça que adora ir ao cinema e vive sonhando com os galãs de Hollywood dos filmes que assiste. Leléu (Selton Mello) é um malandro conquistador, que em meio a uma de suas muitas aventuras chega à cidade de Lisbela. Após se conhecerem eles logo se apaixonam, mas há um problema: Lisbela está noiva. Em meio às dúvidas e aos problemas familiares que a nova paixão desperta, há ainda a presença de um matador (Marco Nanini) que está atrás de Leléu, devido a ele ter se envolvido com sua esposa (Virginia Cavendish).

Gosto pelo motivo: Por retratar muito bem nossa cultura nordestina e pelo lindo romance.






O Magnata (2007)



Sinopse: André, o Magnata (Paulo Vilhena), é um mimado, rebelde e inconsequente astro do rock que desde sempre financia suas extravagâncias com a herança deixada pelo pai. Imaturo e deslumbrado com o sucesso, ele encara a possibilidade de mudar de vida ao conhecer Dri (Rosanne Mulholland). No mesmo dia em que isto acontece, porém, ele acaba cometendo o maior erro de sua vida.

Gosto pelo motivo: A história é boa e bem roteirizada pelo saudoso Chorão (Charlie Brown Jr). Tudo o que se passa no filme dá pra se ver que é passível de existir na realidade. A trilha sonora também é boa. Dá pra sentir que o filme foi feito bem ao gosto do Chorão.







Esperamos que tenham gostado dessa lista. Qual é o seu filme preferido brasileiro? Acrescentaria algum? Até a próxima. J-J




14 comentários :

  1. Tropa de Elite e Olga são os meus favoritos :)
    Abraços,
    http://www.fabulonica.com/

    ResponderExcluir
  2. Estou animada para assistir Aquarius, o novo filme do Kleber Mendonça Filho com a Sonia Braga!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também estou animado. Todo mundo fala tão bem desse filme. Uma pena que ele não vai concorrer ao Oscar, né?!

      Excluir
  3. Se eu fosse você é muito divertido, e lua de cristal é tipo infância total. Adorei!!

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  4. O Auto da Compadecida é meu favorito, eu amo!
    Beijos e um bom final de semana!
    Blog DMulheresInstagram

    ResponderExcluir
  5. Adorei a seleção que fizeram! Com certeza esses são os meus preferidos também! :)

    Bom find! Grande beijo, Fran.
    www.delirioscotidianos.com

    ResponderExcluir
  6. Lisbela e o Prisioneiro, Olga e Se Eu Fosse Você também estariam na minha lista!
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. O Auto da Compadecida ❤ Amo demais essa obra no geral, livro, filme, etc. *-*
    Também gosto bastante de Se eu fosse você, Lisbela e o Prisioneiro e Olga. <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lembro que no ensino médio eu li a peça teatral de "O auto da Compadecida" e é tão bom quanto o filme. Divertidissimo.

      Excluir
  8. Gosto muito de "O Auto da Compadecida", mas todos dessa lista são muito bons;)
    Bjs!

    ResponderExcluir
  9. Gostei das indicações. Estou precisando ver a maioria desses filmes!

    www.adolecentro.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assista, sim. Quem sabe eu não faço outra lista com filmes brasileiros?

      Excluir

Obrigado por mostrar seu dom. Volte sempre ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Template por Kandis Design