segunda-feira, 7 de setembro de 2009

Versatividade


Hãn?! Que palavra estranha é essa no título? É, posso dizer que ela soa estranha para mim também, mas trata-se de um neologismo que eu acabo de criar, que junta duas palavras de tanta importância para mim: versátil e criatividade.

Queria juntar essas expressões que tanto gosto em uma só palavra, e o que surgiu? Versatividade!


Estava vendo dois vídeos a um tempo atrás e percebi que eles se encaixam em tal conceito.

Primeiro, por ser uma inovação, e segundo por utilizar da arma da criatividade para fazer um produto tão bom, como ficou.

A princípio, eu não poderia falar desses dois vídeos em um único post, mas acabei fazendo, porque sabe como é né? Eu, também sou versativo.


Bem, o primeiro vídeo que escolhi é de uma música do Skank chamada “Sutilmente” e o segundo, é “Simplesmente Mulher” da Sílvia Machete.

Vamos falar de cada um primeiro e mais lá para frente eu vou juntar os dois!

“Sutilmente”


Não sou total fã de Skank, mas me apaixonei por essa música, e mais do que isso pelo clipe!

O Samuel Rosa surge no clipe dedilhando um violão, e toca super bem! Ele está em um local escuro. Depois aparece uma lâmpada e ilumina o local, e é agora que todo o momento “versatividade” começa.

Pessoas com diversas cores de roupas estão ao fundo, mas como se fosse um papel de parede atrás do Samuel, e a medida que ele canta as pessoas se movimentam fazendo coreografias sensacionais. O clipe vai se construindo sutilmente com um show de coreografias sincronizadas.

Se não tivesse esse fundo tão singelo, sutil e especial, o clipe não teria a magia, a versatilidade e a criatividade, que tem.

Simplesmente amei. A sincronia das pessoas, com os guardas-chuvas, os balões, o confete, me remeteu a um show de circo. Parabéns pela produção pessoal! Ficou realmente perfeito! Imagino o tanto de trabalho que vocês tiveram.

“Simplesmente Mulher”


Gente, os motivos de eu gostar desse clipe não são tão óbvios assim, mas essa cantora é tão versativa, que me fez prestar mais atenção nela.

A conheci através de uma novela, Caras e Bocas, e gostei muito da música, que fala da sedução de uma mulher.

Sílvia é criativa nesse quesito de fazer músicas um tanto quanto divertidas.


Carioca, Sílvia trocou o picadeiro pela música. Mas isso não quer dizer que para sempre.

Ela, em seus shows, além de cantar diverte o público bamboleando, tão bem, seus 20 bambolês!

Suas músicas são próprias, e impróprias também, bem românticas e humoradas, como essa que eu coloquei aqui. Ahhh! E como esquecer de “Toda bêbada canta”?

Eu rio porque a Sílvia canta tão sério, e a música é uma comédia!


Suas músicas, no geral, é estilo anos sessenta, até por causa das suas caracterizações e das ambientações dos seus clipes. Como esquecer do batom super vermelho, dos maiôs, dos óculos escuros, dos vestidos de bolinha, da época?

O vídeo que eu coloquei aqui tem sacadas muito legais, como no início que a câmara vem de cima para baixo. E o clipe parece ser de época mesmo. Sem falar que a Sílvia dá um show com o bambolê. Gosto desse trecho: "Me respeita e me abusa Me ame como quiser”.




*


Sílvia e Skank são estilos totalmente diferentes, talvez por isso é difícil achar um fio semelhante entre os dois, mas não impossível.

Inovação é tudo, como sempre falo, ainda mais para uma profissão como a minha.

No Jornalismo se deve inovar e extrair algum ponto incomum e interessante de alguma coisa.

Talvez muitos pensam: “O que há de interessante nisso?” Mas aí é que está você deve encontrar! E aqui nesses dois clipes, analisei as entrelinhas deles e percebi o tanto que é importante ser versátil e criativo. (JJ)


Por: Emerson Garcia

3 comentários :

  1. Oi.
    Muito boa a palavra que você criou: versatividade e é o que o Skank e a Silvia tem. Já vi o novo clip do Skank. Não sou muito fã deles, mas o clipe ficou muito bom. Os dançarinos a coreografia, ficaram maravilhosas.
    Agora Simplesmente mulher, também ficou legal. A criatividade da Silvia com a música e o clipe, ficaram muito boas. Rir bastante. É meio difícil ver bandas ou cantores com criatividade. São poucos que ainda tem.

    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Amei esse clip so Skank, e pela primeira vez na vida alguma coisa que vi no vídeo Show foi legal.

    Passou uma máteria mostrando como foi feito esse clipe...mô loucura, na verdade as pessoas no fundo estão no chão, e a banda está suspensa lateralmente, eles estão encostados tipo em barras de metal...nosso, mô produção!

    Amei o novo termo hahaha!

    Por Samara Correia

    ResponderExcluir
  3. Eu adoooro essa música do Skank =DDD
    E o clipe é tããão divertido *.*
    Mesmo as pessoas estando no chão, é difícil fazer isso, NOOSSA
    asuihasiusahsuhsiushuiahsa

    Eu não sabia que era essa moça que cantava essa música, maaas ela é suuper divertida, principalmente com o bolo e qundo ela tá com aquele treco branco na cabeça x]

    Me amarreeeei nesse post =]
    Beeijo

    ResponderExcluir

Obrigado por mostrar seu dom. Volte sempre ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Template por Kandis Design