quinta-feira, 9 de maio de 2019

Entre Frames #13: Low- Todrick Hall feat. RuPaul





Nesta edição do Entre Frames eu e o Thiago Nascimento analisaremos o clipe Low de Todrick Hall com participação de RuPaul. A produção foi lançada em 22 de março de 2017, conta com quase 16 milhões de visualizações, 202 mil curtidas e 3,9 mil descurtidas.

O clipe tem patrocínio do RuPaul Charles, foi dirigido por Todrick Hall & Moorhead&Benson, teve direção de fotografia de Matthew Macar, edição de Aaron Moorhead, maquiagem de Miss Fame e figurino de Christopher Palu. 

Em quase três minutos e meio de duração, Low é um ode ao Mágico e Mundo de Oz, contando com várias referências, elementos e símbolos da estória. Assista-o:






O clipe é dançante, criativo e com várias paletas de cores. Separamos tópicos importantes logo abaixo.


Cores




O grande destaque do clipe é a cor preta. Vemos fundos nesta tonalidade, que se contrastam com outras, como verde, vermelho e rosa. Assim, tons escuros e fechados se misturam com claros e abertos, um recurso utilizado devido à história e enredo. 


O vermelho



O vermelho ganha destaque no vídeo primeiro quando aparece uma pessoa entre plantas verdes e rosas vermelhas (0:25-0:26). O verde e vermelho são contrastantes. Enquanto este é uma cor primária e quente, aquele secundária e fria.  

E segundament, quando há uma predominância do vermelho no frame 0:32 - observamos rosas e sapatos vermelhos, com listras pretas e brancas. O vermelho dos sapatos de Dorothy entram na estética visual da cena, quando se tem flores vermelhas no canto e umas folhas verdes. Tudo se harmoniza e combina direitinho. 






Tons e degradês rosa





O rosa aparece no clipe como uma cor boa, agradável, alegre. A Bruxa Boa do Sul é representada por essa cor. Aos 0:58 a tela fica toda em tons e degradês de rosa, o que demonstra que o bem sempre vence no final. 


O preto e o branco






O preto e o branco são originalmente contrastantes entre si. Há um contraste interessante entre as cores - fundo preto e luzes brancas (1:16-1:22). O preto significa escuridão, maldade e sujeira; o branco clareza, pureza e benção. Há uma pessoa que é corrompida pela maldade quando ela joga tinta preta em si.    






Estética




O vídeo tem praticamente dois tipos de estéticas. O primeiro, com ambientações escuras e em lugares fechados (0:00-0:19); e a segunda em locações abertas, bucólicas e naturais (0:19-0:22). 





Dualidade




Em toda sua duração explana-se sobre dualidade, bem vs. mal e luz vs. escuridão. Todrick tem duas faces (0:00): uma boa, representada pela Bruxa Boa do Sul, e uma má, pela Bruxa Má do Oeste. A face boa é rosa e a má verde, em clara alusão à "bruxa verde". Além disso, sua roupa é dividida em uma parte preta e verde e outra rosa. RuPaul, por sua vez, em determinado momento (1:48) usa roupas duais semelhantes à de Todrick. 

Todos temos essa faceta boa e ruim dentro de nós. Diria que ninguém é 100% bom ou 100% ruim. Acontece de alimentarmos um lado em detrimento do outro, deixando em mais evidência um lado ao invés do outro. Essa briga é diária e vence o lado que alimentar mais. Em alguns momentos no clipe (0:53) Todrick se corrompe para o mal. Em outros, há uma representação da Bruxa Má do Oeste (0:58) e da Bruxa Boa do Sul (0:57). Ou seja, aquela faceta que era rosa desapareceu no momento que o cantor se pintou de preto.




Essa guerra de bem vs. mal aparece no momento em que há um confronto entre os dois lados (1:00-1:03). A tela do clipe é divida em duas partes. De um lado, um fundo negro e escuro com a representação da Bruxa Má do Oeste, do outro, fundo rosa e claro com a representação da Bruxa Boa do Sul. À medida que acontece a guerra, as partes vão se aproximando, até se unirem e se transformarem em uma (1:03). Essa união demonstra, como já falado, que temos o lado bom e mal dentro de nós.




Há também uma tentativa de equilibrar o lado ruim com o bom (espécie de Yin Yang), quando o mal (Representado pela Bruxa Má do Oeste) sente falta do bem e vai para o lado rosa (2:19).   





Referências ao Mágico e Mundo de Oz


No tópico anterior fizemos menção à Bruxa Má do Oeste e a Bruxa Boa do Sul, mas há vários outros personagens do Mundo de Oz que descrevemos como aparecem no clipe logo abaixo:


-Bruxa Má do Oeste



No clipe representa a face má que as pessoas possuem. 


-Bruxa Boa do Sul

Representa o lado bom que as pessoas tem. 


-Espantalho



No clipe é amigável, aéreo, mas também divertido. 


-Dorothy 



A Dorothy de Low é safada, sexy e gosta de dançar. Ela usa um short curto e uma blusa amarrada que mostra sua barriga. Seus sapatos são VERMELHOS e não VERDES, como estamos acostumados a ver na estória e na releitura de Once upon a time. Acreditamos que os sapatos vermelhos foram utilizados para harmonizar com a ambientação do clipe, e também porque o vermelho significa PAIXÃO, SENSUALIDADE e PRAZER, difundidos em todo o clipe. 

Em vários trechos, Dorothy faz movimentos sexys com as mãos e o bumbum, mexendo seus seios (0:38-0:42). Quando a letra fala "Cake, cake, cake", por exemplo, a personagem movimenta o busto (0:38). 

Dorothy também encosta os dois sapatos em clara referência ao Mundo de Oz (0:46-0:47), justamente na parte que a música parece reproduzir o som de sapatos se batendo ("clike, clike, clike").





-Homem de Lata





O Homem de Lata do clipe tem o rosto humanizado. Para interpretá-lo foi escolhido um homem bonito e jovem (1:27). Ao contrário da lenda de Oz, que apresenta um personagem sem vida e mecânico, aqui ele é apresentado cheio de vida e vigor. 


-Mágico de Oz



RuPaul/Mama Ru entra em cena aos 1:25 e logo percebemos que ele representa o Mágico de Oz por utilizar um terninho e um chapéu. 


-Leão



Assim como o leão da estória, o de Low é medroso, mas amistoso. Para deixá-lo sensual, foi escolhido um intérprete sexy, gostoso e musculoso (1:39-1:42). 



-Casa da Dorothy



Em dois momentos há referências à casa de Dorothy. A primeira é quando ela voa ao fundo do vídeo e o Espantalho vira o pescoço para vê-la (0:20-0:22); e a segunda é quando ela cai em cima do Todrick (1:06).  




    
Aparições de personagens do Mundo de Oz


O primeiro personagem que aparece no clipe é o Espantalho (0:19); depois a Dorothy (0:38), focando em seus sapatos vermelhos e depois abrindo a câmera; e, por último, o Homem de Lata (1:23-1:25). Aos 1:43 aparecem todos os personagens de Oz reunidos.






Qual é o caminho?




No início do vídeo Dorothy parece estar confusa e desconhece o caminho para se chegar até Oz (0:40-0:41). Desse modo, ela pede ajuda ao espantalho (0:42-0:45), que o ajuda e eles vão para um passeio pelo campo (0:48). 






Sensual!


Como falado no quarto tópico (Referências ao Mágico e Mundo de Oz), Low é um clipe que explora muito a sensualidade em seus personagens, seja na Dorothy, Leão ou Homem de Lata. Há um culto pelo corpo e por movimentos sensuais. Por exemplo:

- foca-se na virilha do Homem de Lata (1:30): Há uma valorização por essa parte do personagem, em específico. Algo que não foi explorado na estória infantil. Chega até ter uma conotação sexual quando Dorothy e o Espantalho batem nessa parte do Homem de Lata e ele se assusta (1:31). 





- O leão balança o rabinho e faz movimentos com o bumbum (1:42 e 1:46): Como já falado, o leão de Low é sensualizado, principalmente quando ele balança o rabinho e faz as "velocidades do créu" (Fala sério?! Quem não ficou doido nessas partes?).






- Os protagonistas do Mágico de Oz se reúnem em poses sensuais (3:01): Ao final do clipe os personagens se reúnem e dançam sensualmente. 






Fogo








O fogo tem papel de destaque no vídeo. Ele significa força, poder e vigor, aparecendo em várias nuances de cenas. Surge ao redor de um castiçal (0:13) e quando Todrick faz chamas de fogo com a mão por duas vezes (0:15 e 2:24). 






Simetria




De forma geral o clipe possui muitas cenas simétricas e harmônicas (0:00-0:08). Exemplos: quando há um alinhamento dos homens (0:08) e quando eles ficam em razão áurea (0:10).




Outro momento é quando há simetria, equilíbrio e distribuição igual dos soldados (1:33) - a mesma quantidade que existe na esquerda, há na direita, sempre com as mesmas proporções e volumes. 





Figurino




O figurino dos cantores RuPaul e Todrick são bem específicos. RuPaul tem dois vestuários distintos (terno esverdeado e chapéu; e vestido metade preto/verde, metade rosa), enquanto Todrick apenas um (vestido metade preto/verde, metade rosa).

Quando RuPaul e Todrick aparecem em cena juntos (1:48-1:49) percebemos que eles possuem roupas semelhantes e que se complementam. 




Gestos e risadas




Quando a letra diz "she can whip that thing like a ciclone", Todrick faz o gesto de um ciclone com as mãos (0:33-0:35). 

Em outro momento, ouvimos uma risada malévola (1:54). Aos 2:21 descobrimos que ela é de RuPaul, que é reconhecido por sua risada icônica. 


Danças





O clipe conta com várias coreografias. Cito a que ocorre entre 2:34 e 2:51 quando há uma dança sincronizada e diferenciada.

Outro momento de destaque é o que os dançarinos dançam até o chão enquanto o trecho "Get low" (Abaixe-se) é cantado (1:09).







Mais detalhes!


Percebemos vários outros detalhes que não formam tópicos e colocamos logo abaixo:

- Cai confetes e folhas laminadas no cenário em que Todrick está inserido (1:57);



- Foco nos cantores (2:16); e




- Briga entre o exército da Bruxa Má do Oeste (Todrick) e o Mágico de Oz (RuPaul). 




Closes, frames e cortes







De 2:52 até 3:00 há vários frames e cortes de cenas que já havíamos visto no clipe. O mesmo ocorre entre 3:02 até 3:19, quando há vários closes seguidos da versão má e boa da bruxa, no rosto de Ru e de Todrick e dos personagens de O Mágico de Oz





Gran finale





O clipe é finalizado com uma jogada de vestido de Trodick e um fade-out (3:18-3:19). 



O nome do álbum e as referências à Oz


O nome do álbum do qual essa música faz parte chama-se Straight Outta Oz (Direto para fora de Oz, em tradução livre), fazendo alusão em sair do armário. O título tem uma expressão em inglês chamada STRAIGHT, que também pode significar HÉTERO ou algo "direito", no sentido de certo. 



Letra


Destacamos vários trechos significativos da música e comentamos logo abaixo:



"She had just dropped in, dropped in from Kansas" 
(Ela tinha acabado de chegar, veio do Kansas)

Podemos perceber logo uma alusão a história do Mágico de Oz, visto que Dorothy é do Kansas e ela "cai" no mundo do Mágico de Oz.




"She can whip that thing like a cyclone" 
(Ela pode chicotear aquela coisa como um ciclone)

Uma referência ao clássico, visto que a casa de Dorothy é levada por um ciclone. O trecho "Like somebody dropped a motherf-house on you" (Como se alguém tivesse derrubado uma filha da puta de uma casa em você), por sua vez, refere-se à aterrissagem de Dorothy em Oz.




"Make it rain them emerald bills for me"
 (Faça chover as contas de esmeralda para mim)

Tem duas referências que podem ser encontradas: uma que esmeralda é a cor do Mágico de Oz e que neste trecho também é usada para se referir ao dólar que possui notas de cor verde.



"Swipe right ‘cause I knew he had buns of steel" 
(Deslize para a direita, porque eu sabia que ele tinha pãezinhos de aço)

Se refere ao Homem de Lata, mas com uma conotação sexual de duplo sentido.




"Met the king of the jungle looking like Mufasa" 
(Conheci o rei da selva parecendo Mufasa)

Há a referência ao leão covarde parecido com o Mufasa, pai de Simba no clássico Rei Leão.




"u bend over like ur on ur broom; is u a good witch or just a bad bitch?"
 (Você se inclina como se estivesse em sua vassoura; você é uma boa bruxa ou apenas uma vadia ruim?)

Nesse trecho temos a apresentação das bruxas na música, principalmente com a pergunta ''você é uma bruxa boa ou apenas uma vadia má?''.



A letra, de forma geral, tem várias referências à Oz, como: "sapatos da Dorothy", "festa na selva", "macacos voando", "Homem de Lata no Tinder", sempre com uma conotação sexual e /ou com relação ao mundo gay. 


Música


A música tem um ritmo envolvente e dançante, com vários barulhinhos e pegada eletrônica. Em alguns trechos, o ritmo transforma-se em rap.


Essa foi nossa análise de hoje. Repararam mais alguma coisa no clipe?! Digam tudo nos comentários! J-J













Por: Emerson Garcia e Thiago Nascimento

9 comentários :

  1. Oie, tudo bem?
    Adorei o post, super legal!
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  2. Ainda não vi o clipe,mais ele possui muitos detalhes interessantes.

    www.paginasempreto.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Ficou maravilhosa a sua analise, adorei o post

    Beijos
    www.pimentadeacucar.com

    ResponderExcluir
  4. muita criatividade :)))
    gostei da análise, muito bom!
    o Feiticeiro de Oz é uma obra inspiradora !
    aqui na patinagem:
    https://www.youtube.com/watch?v=UaIlxrgLx38

    ResponderExcluir

Obrigado por mostrar seu dom. Volte sempre ;)

Nos siga nas redes sociais: Fanpage e Instagram

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Template por Kandis Design