domingo, 1 de dezembro de 2013

Potterheads manifestem-se!


Coisas como magia, bruxos, cães de três cabeças, escadas que se movem sozinhas, motos voadoras, vassouras e varinhas mágicas sempre foram assuntos que me atraíram. Eu confesso que me apaixonei por conta da genialidade que J.K. Rowling, autora dessa linda obra de arte, teve ao escrever uma história com romance, mortes, e ainda, ensinamentos sobre amizade, amor, união e com um toque de discórdia.

Harry Potter e a Pedra Filosofal conta como um garoto órfão de 11 anos, que no dia de seu aniversário descobre que seus pais eram bruxos e que tem uma vaga na Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts. O menino junto de seus melhores amigos, Ronald Weasley (Rony) e Hermione Granger, descobre que seus pais foram mortos por um bruxo das trevas que sumiu. Próximo ao final do ano letivo, Harry descobri que Tom Riddle (Lord Voldemort), ainda sobrevive, se alimentando de sangue de unicórnio (that’sgross).

Após enfrentar Lord Voldemort em forma parasita, um basilisco, dementadores e um torneio mortal, Harry testemunha o retorno do Lorde das Trevas, tendo que batalhar pra sobreviver. Ele consegue fugir, com a ajuda dos fantasmas de seus “pais”, e ainda salvar o corpo de seu colega de escola que morrera pela Maldição da Morte que um seguidor de Voldemort (Comensal da Morte) lançara sobre o garoto.

Seu quinto ano na escola de Hogwarts, como não poderia faltar, tem também muita ação e mistério, depois de uma professora não muito eficiente ser admitida na Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts. Dolores Umbridge proíbe a prática de magia ofensiva na escola, fazendo com que Harry crie a Armada de Dumbledore, com o objetivo de ensinar os demais alunos sobre a Arte das Trevas. No final do quinto livro, uma profecia é lançada deixando assim mais um mistério a ser pensado.

"Aquele com o poder de vencer o Lorde das Trevas se aproxima... nascido dos que o desafiaram três vezes, nascido ao terminar o sétimo mês... e o Lorde das Trevas o marcará como seu igual, mas ele terá o poder que o Lorde das Trevas desconhece... e um dos dois deverá morrer na mão do outro, pois nenhum poderá viver enquanto o outro sobreviver... aquele com o poder de vencer o lorde Trevas nascerá quando o sétimo mês terminar..."

Intrigante, não?!

Dumbledore, diretor da escola, começa então uma pesquisa em torno da vida de Voldemort, tentando descobrir um jeito de destruí-lo permanentemente. Ele e Harry descobrem que Voldemort é portador das Sete Horcruxes, objetos no quais são depositados pedaços de sua alma, fazendo com que enquanto esses objetos existam o Lord também exista.

O que mais entristece ao ler as histórias de Harry Potter são as mortes. Os personagens favoritos passam por momentos traumáticos ou morrem. A morte de Tonks e Lupin foram, pra mim, as mortes mais tristes de toda a saga.



Apesar das mortes, toda a história é brilhante. Pessoalmente, os livros mais perfeitos de toda a saga são os dois últimos, pois tiram todas as dúvidas a respeito do enredo dessa brilhante aventura mágica. Harry Potter e o Enigma do Príncipe e As Relíquias da Morte reúnem tudo que um leitor quer: mistério e um final pra lá de trágico apesar de todas as conquistas. J-J


Together, they make one the master of death.



Por: James P. (convidado especial do blog)

2 comentários :

  1. Olá, tudo bem.

    Eu e o meu Sentimento de Amizade, estamos aqui, para desejar-te, um bom dia de Domingo.
    Que Deus, o Todo Poderoso, proteja-nos, sempre e sempre.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. UEPAAAA! Olha eu aqui. Pra mim Harry Potter é uma droga, uma droga mesmo, e das piores, pois eu viciei de uma forma que Deus Todo Poderoso sabe, HP é a minha série favorita e sempre vai ser. Amo muito e para mim o melhor livro é o 4ª, pois o acho muto sombrio em comparação aos 3 primeiros. Tem post novo lá no blog, passa lá.

    http://j-a-santos.blogspot.com.br/

    Abraços,
    J. A. Santos

    ResponderExcluir

Obrigado por mostrar seu dom. Volte sempre ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Template por Kandis Design